PT EN FR

Facebook

“Temos que criar uma estratégia e um plano global para as escolas de iniciação desportiva em Cabo Verde. Todos os intervenientes devem estar alinhados ao mesmo objetivo para que, efetivamente, possamos formar e potencializar talentos.”

Palavras do Presidente da EFAT, Edmilson Garcia, na sequência do Fórum Sobre as Escolas de Iniciação Desportiva realizada pelo Instituto do Desporto e da Juventude no anterior dia 7 de novembro no Palácio do Governo e com transmissão via plataforma zoom. O objetivo do referido Fórum é receber subsídios a melhor definição das políticas assertivas que vão de encontro às reais necessidades das EDI’S. Além de uma pequena apresentação do projeto da EFAT, Edmilson Garcia aproveitou para dar contribuições de melhoria deste importante, senão indispensável, subsistema desportivo. “Quem quiser abrir um consultório médico terá que ter, obrigatoriamente, uma autorização das autoridades da saúde. Com as escolas deve acontecer o mesmo.

Não podemos continuar na informalidade sob a pena de, ao invés de estar a ajudar, estarmos a prejudica-los por falta de estrutura mínima para o efeito.” Rematou Edmilson na sua intervenção.

É notório o desenvolvimento e o crescente aumento das EID’S e de alunos na cidade da Praia, muito por culpa da criação da Liga Play, mas, é urgente a definição de um quadro competitivo adequado para poder criar uma competitividade saudável e gradual. Não se pode iniciar a competição aos 16 ou 17 anos, que é a primeira competição oficial ao nível do futebol em Cabo Verde.

- Departamento de Comunicação e Imagem

Últimas Notícias

Proximos Jogos